quarta-feira, 13 de janeiro de 2016

Em cada vez...

Em que regressas dos mortos e dás ares da tua graça. Fazes apenas um sinal que eu ignoro, mas os dias e o pensamento trazem a poluição ao meu cérebro e esta moínha não me abandona.

Porque vens estragar o equilíbrio que é tão difícil alcançar?
Porque me deixo afectar tanto por um sinal que não é mais do que uma procura de vaidade da tua parte.



Resposta a isto: hoje é dia de correr gavetas e deitar coisas fora. Arrumar é sempre terapêutico.

2 comentários:

  1. Espero que a "arrumação" tenha ajudado! ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ajudou pois... Nem que seja foram produtos com praí 4 anos para o lixo :P

      Eliminar

Olá,
Obrigada pela visita...
Podes deixar cá um miau:D